23 março 2007

O 13º Passageiro





A história da morte do actor Leslie Howard, em 1 de Junho de 1943, quando o avião civil da KLM com destino a Londres, em que seguia, depois de descolar do aeroporto da Portela, sobrevoava o Golfo da Biscaia
O texto e o guião da BD são de José António Barreiros, a ilustração de Carlos Barradas e o posfácio de de Douglas Wheeler (Universidade de New Hampshire).

26 comentários:

art&tal disse...

pois... vi um entrevista com o barreiros.

interessante

Anónimo disse...

Acho que vou comprar essa BD.
A história do Leslie Howard conheço-a vagamente, sei que morreu quando veio cá fazer umas palestras.
Z.C

purita disse...

anotado!eu gosto de bd

@ disse...

Quando abri, de repente, pareceu-me a bd da Adèle Blanc-Sec...
Depois o Luis Má Sorte. Nenhuma. Parece ser muito interessante. Vou registar.

bj.

PMBC disse...

Quase sempre as cidades ganham uma aura especial quando aparecem na BD. Este exemplo não destoa. Fantástico.

@ disse...

Não sabia quem era o Leslie Howard até ler que foi o malogrado Ashley do E Tudo o Vento Levou...

@ disse...

...
pois há personagens que se sobrepõem aos actores...
Mas em realação à Bd, vou de certeza procurar...tenho uma colecçãozinha considerável cá em casa :)

Anónimo disse...

Tens comissão nas vendas? É que também me apetece ler a história do espião actor.
J.

Naked Lunch disse...

encontrar os sítios do costume em bd é uma sensação estranha... a ver se arranjo... há mais coisas, sobretudo sobre lisboa... este não conhecia...

... já agora, e não tem muito a ver, mas às quartas sai o Spirou com o público...

intruso disse...

curioso, estive a ver no sábado...
[gostei sobretudo pela história e forma como é narrada...
já os desenhos, a expressão desenhada, não me dizem tanto, mas ainda estive para comprar...]

intruso disse...

[...e o trabalho de desenho/"reconstituição" de Lisboa na época é notável... especialmente nas arquitecturas...
nas cenas nocturnas...
disso gostei muito]

art&tal disse...

já com zipper a tapar a fenda

Anónimo disse...

Vou comprar e ler essa desventura de Leslie Howard em Lisboa.
Inês

Jazz Manel disse...

Muito fixe, não conhecia, vai para a lista!!!

José António Barreiros disse...

Boa tarde. Lamento só agora ter notado a referência ao livro. Muito obrigado por isso. Hesito sempre quanto ao real valor do trabalho feito, mas no caso a história em si merece atenção, tenha eu conseguido descrevê-la como ela merece. No mais, é a força da ilustração, apelativa seguramente!
Cumprimentos amistosos,
jab

Anónimo disse...

Sem dúvida que se soube contar e ilustrar a história. Parabéns aos autores.

Carla Antunes

Lis disse...

As ilustrações parecem-se com as de um livro que guardo desde miúda: A volta ao mundo em 80 dias.
O livro relembrou-me vontades antigas.

Bandida disse...

sempre boa informação por aqui.

vou ali comprar.


até já.



B.
___________________________

alice disse...

Ainda não vi. Mas parece-me que subscrevo o que disse o intruso.

Mauricio disse...

Boa!!!!

Um forte abraço aos amigos do outro lado da poça.

Anónimo disse...

'O Capital de Marx em Banda Desenhada' e "A Clave sem Sol" do Carlos Barradas são dois livros que já li com ilustração e argumento do Carlos Barradas.
Esse não conheço e nunca li nada do J. A. Barreiros.
Mas gosto do trabalho do Barradas, "O Capital de Marx em BD" é um "clássico"

M. Santos

linhas tortas disse...

Boa proposta. Tb vou anotar.

by the way... disse...

...

lisboa era um ninho.

macaso disse...

Como venho aqui sem tu me veres...resolvi deixar uma pegada menos invisível. E fui comprar a b.d. Muito interessante. O enredo sobretudo...pelo menos é o que eu domino.
Beijo

Anónimo disse...

Enredos desses são a especialidade de José António Barreiros. Estive ver o blog e caramba!
De facto há mundos de sombras.
Z.C

Anónimo disse...

Mais vale tarde que nunca. Um prazer vê-lo por aqui.
Merdinhas