05 abril 2006

Poesia Experimental, Herberto Helder




Poesia experimental: 2º caderno antológico. Organização de António Aragão, E. M. de Melo e Castro, Herberto Hélder(1966).
Agradeço ao Holeart que me enviou, entre outras, as imagens que coloquei neste post.

17 comentários:

Naked Lunch disse...

acho que vou tentar comprar, parece-me uma excelente sugestão.

Jazzie disse...

Também gostaria de o ter...reeditaram?

Algodão disse...

não conheço,parece ser interessante.

holeart disse...

este foi o aragão que me ofereceu.
juro que munca tinha visto isto com a dignidade que merece. está exibido em serralves na retrospectiva do melo e castro.

entre outras coisas tem um caderno de 12 pag. e uns desdobraveis com o titulo "musica e notaçao" de jorge peixinho.

nao é muito facil de encontrar mas nao é impossivel.

holeart disse...

a proposito quando mostras a capa do disco do Herberto Helder.

M.M. disse...

Fantástica sugestão. Até me cheira aqui às folhas amareladas..

Coolme disse...

Poesia experimental...e
surrealismo. O trilho de H.Helder.

sofia3r disse...

Também gostei da sugestão. Pena que não esteja "comprável".

Maria Pedro disse...

Será bom?

"Experimental" associado a artes causa-me, normalmente, o mesmo arrepio que a palavra "instalação"...

Já sei que parece "reaça" mas já enfiei tantos barretes...

As Musas disse...

Mas que forma de ler poesia tão interessante....

Jazz Manel disse...

Ainda não tenho nada dele!...Só folheei na livraria!...

Mendes Ferreira disse...

o H. é podre de simpático....:)

coisas....mas ficou lindo este post...para variar....:)


e tantos sorrisos é só mesmo para dizer: a d e u s....bjo.

Vera disse...

não sei se conheces:
http://po-ex.net/

corpo visível disse...

.
acho que isto está no mac serralves.
.
a ver. definitivamente.
.
o herberto é grande!
.

Anónimo disse...

Aquela mulher a dizer que me ama persegue-me mas eu gosto.
E gosto do Herr Berto a experrrrrrimentar.
Z.C.

ocasodecharlesdexterward disse...

Bom! Muito bom!

Handprint disse...

Gosto!!!!